VISITA TÉCNICA

Colocação de cones na Avenida do Contorno, no Centro, atrapalha entrada em igreja

Os cones foram postos após a saída do Viaduto da Floresta para desafogar o trânsito no bairro homônimo; BHTrans vai estudar alternativas

quarta-feira, 18 Dezembro, 2019 - 17:45
Colocação de cones na Avenida do Contorno (Centro) atrapalha entrada em igreja
Foto: Márcio Martins/CMBH

Em visita técnica à Avenida do Contorno (Centro de Belo Horizonte), depois da saída do Viaduto da Floresta, nesta quarta-feira (18/12), a Comissão de Desenvolvimento Econômico, Transporte e Sistema Viário verificou problemas na sinalização provisória no local, onde foram colocados cones. Eles foram colocados para desafogar o trânsito para quem vem do Bairro Floresta, em horário de pico. Entretanto, fiéis da Igreja Mundial do Poder de Deus (Avenida do Contorno, n° 1079) reclamaram de dificuldades para acessar o estacionamento da igreja, localizado no meio do fluxo da saída do viaduto, na Avenida do Contorno (que também recebe o tráfego da Avenida dos Andradas). A visita foi solicitada pelo vereador Carlos Henrique (PMN). 

Após a colocação dos cones demarcando um espaço de quem sai do viaduto para continuar na Avenida do Contorno, formou-se um X dos veículos que vêm da Avenida dos Andradas com os que vêm do viaduto, os últimos avançando mais para a direita na Avenida do Contorno justamente em frente ao estacionamento, atrapalhando quem deseja entrar nele.

Para o vereador Carlos Henrique, “os cones estão atrapalhando eles virem com o carro para entrar aqui, porque o pessoal não deixa eles entrarem”. O parlamentar também citou a necessidade de podar as árvores que ficam na calçada da igreja, pois estariam prejudicando a visibilidade dos postes de luz, tornando o local ermo.

O bispo Júnior Matos, da Igreja Mundial, contou que o problema é maior nos cultos aos sábados e domingos pela manhã e nas terças à noite. “Nossa preocupação é o perigo”, afirmou o religioso.

“Até nesses horários [fora do rush] sem sinalização é difícil o acesso por causa da pintura do chão”, adicionou o supervisor da BHTrans na área central, Luiz Henrique Caldeira, para quem é desejável repintar a sinalização horizontal em frente ao estacionamento e na passagem de pedestres localizada na Avenida dos Andradas, que desemboca na Avenida do Contorno.

O supervisor afirmou que a BHTrans levará técnicos ao local e, posteriormente, fará um estudo para avaliar a possibilidade de mudança na sinalização. Ele não soube precisar prazos ou alternativas.

Superintendência de Comunicação Institucional

Visita técnica para verificar problemas na sinalização horizontal provisória na Avenida do Contorno - Comissão de Desenvolvimento Econômico, Transporte e Sistema Viário