ASSUNTOS INTERNACIONAIS

Comissão Especial retoma trabalhos e aprova nova agenda de reuniões

Encontros ocorrerão sempre na úlltima segunda-feira de cada mês, às 11h. Plano de trabalho será apresentado na próxima reunião

sexta-feira, 6 Maio, 2022 - 12:00
Foto: Claudio Rabelo/CMBH

Com o objetivo de ajudar a inserir BH no cenário internacional, a Comissão Especial de Estudo - Assuntos Internacionais, promoveu, nesta sexta-feira (6/5) sua terceira reunião e definiu novo dia, local, horário e periodicidade de suas atividades. Segundo Ciro Pereira (PTB), que preside a comissão, o trabalho do colegiado ficou prejudicado em função da pandemia e da intensa atividade da Casa proporcionada por duas comissões parlamentares de inquérito (CPI da BHTrans e CPI da Covid-19). Com a retomada das atividades, o grupo irá se reunir sempre na última segunda-feira de cada mês, às 11h, no Plenário Camil Caram. Confira o resultado da reunião.

“Essa comissão era pra ter andado mais. Por causa de outras tantas atividades, os trabalhos ficaram um pouco congestionados”, disse o presidente da comissão, vereador Ciro Pereira, destacando que com a definição de novo dia e horário o colegiado conseguirá dar sequência às suas propostas. A escolha pela última segunda-feira de cada mês, às 11h, teve o apoio integral dos demais integrantes. “Vai facilitar muito os trabalhos pois nas primeiras semanas temos Plenário, o que nos toma muito tempo na preparação e leitura dos projetos em pauta”, explicou Fernanda Pereira Altoé (Novo).

Internacionalizar BH

Fernanda sugeriu ainda que o plano de trabalho seja estudado e revisto na próxima reunião. “Temos mesmo que rever o plano”, disse Jorge Santos (Republicanos), relator da comissão, concordando com a vereadora. Entre as propostas apresentadas em 2021, estão a realização de estudo técnico comparativo que priorize aptidões da cidade como a gastronomia; rodadas de conversa sobre internacionalização com a presença de empresários e representantes de multinacionais; verificação de possibilidade de fomento fiscal para empresas que queiram se instalar em BH; realização de feiras internacionais de negócios, além de levar alunos de escolas públicas de BH ao Mini ONU, projeto intercolegial que consiste na inserção de estudantes no ambiente das relações internacionais.

Nas reuniões anteriores, os integrantes do colegiado também apresentaram outras sugestões de atividades como a inserção de BH no Special Olympics, organização internacional criada para apoiar pessoas com deficiências intelectuais, desenvolvendo a confiança e aumentando a capacidade de relacionamento interpessoal. Segundo o Portal Belo Horizonte, administrado pela Belotur, a cidade investe intensamente em parcerias internacionais. De acordo com o site, a Capital possui 17 Cidades Irmãs, entre elas Granada (Espanha), Nanjing (China), Belém (Cisjordânia) e Austin (EUA), primeira cidade irmã de BH. 

A Comissão Especial de Estudo - Assuntos Internacionais foi criada por meio de requerimento assinado por 19 vereadores e pretende atuar na construção de parcerias internacionais que proporcionem o desenvolvimento econômico, técnico e tecnológico da Capital. Comissões especiais de estudo têm prazo de vigência da legislatura em que foi constituída, mas podem terminar os trabalhos antes do fim deste prazo. Antes do encerramento da comissão, o relator apresenta um relatório final, que é a conclusão das atividades do colegiado.

Participaram da reunião os vereadores Ciro Pereira, Jorge Santos, Fernanda Pereira Altoé e Bruno Miranda (PDT).

Superintendência de Comunicação Institucional

3ª Reunião - Comissão Especial de Estudo - Assuntos Internacionais